Arquivo da tag: poesia

VENDO POESIA

Untitled-1

…e outras coisinhas mais.

Anúncios

poesia de ônibus

I

todo dia é uma avenida diferente
passo lá todo dia
atravesso
de lado ou de frente
os passos arrastam no chão
que nem os calangos do sol
que fogem de mim
no ônibus, o sol
no chão, o sol
na cabeça na doença na pressa esqueço de me perder

II

os passos passo no pão
os calangos fui eu que pus
na rua paralela da avenida
que passa
como filme como aquário numa procissão ao contrário
as construções cortadas sangrando
o céu não muda
o céu não muda
o céu não muda
a via: não muda
a via: não muda
a via: não muda

III

a vila
na passarela sobre a avenida
no filme que passa como um aquário
em velocidades diversas
ao longo do tempo
no longo do caminho
construções sagradas cortando

Marcos Assis